Entender a esquizofrenia 
Quem pagou os estragos que fiz e minhas dividas?
Quem pagou os estragos que fiz e minhas dividas?

Minha mãe! A minha melhor amiga, foi quem pagou o conserto de todos os carros que destrui (devido a ter atirado coisas pelas janelas do apartamento as quais caíram em cima de várias viaturas que estavam aparcadas) em 2008, sozinha aos poucos consegui-o pagar tudo em alguns meses e me ajudar enquanto eu estava internado no meu segundo internamento.

 

E as minhas dividas aos bancos em 2004, que se iam acumulando enquanto eu estava internado no primeiro internamento?

Minha mãe e meu irmão Manuel!

Minha mãe sozinha foi fazer uma proposta ao banco, sem nunca ter saído de Santarém para a capital, pediu ajuda a Deus para lhe dar forças na viagem de comboio de Santarém até Lisboa e dai até Queluz, para negociar com o Banco aonde eu tinha o crédito do apartamento. Depois de aceite a proposta, ela e meu irmão iam pagando conforme podiam e foi assim que não perdi o apartamento em Portugal.

O pior foi que tinha outro apartamento em Espanha e já estava para ser vendido pelo banco por um preço muito baixo, mas graças a Deus quando sai do internamento fui para lá e anulei a venda pelo mesmo e vendi eu por mais. Não consegui pagar a divida toda pois era juros do crédito, custos judiciais e vários valores impostos a mim. Mesmo assim estava a conseguir pagar em 2006 o que faltava, mas fui estúpido e abandonei o tratamento, descompensando depois perdi o meu trabalho e vim para Portugal e ainda tenho até hoje essa divida.

 

De relembrar, sem tratamento não à estabilidade! O tratamento gera segurança e pode-se confiar nele e nessa segurança, sim.

Mas, me sentia mal com o tratamento!?!!! Devia de continuar a pedir ajuda aos médicos para experimentar outros medicamentos, as vezes que fossem necessárias até me sentir em equilíbrio entre o meu corpo, a minha satisfação e a doença. Hoje consegui esse equilíbrio graças a Deus, pois parecia impossível reduzir os efeitos secundários dos medicamentos.

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 3.0/5 (160 votos)

ONLINE
1




Total de visitas: 5911